Imagens apenas

Noticias

23/07/2020 10:50

Como planejar a sua empresa para o novo normal?

 

Esse é o artigo que vai te guiar pelo novo normal. Isso, porque, como visto em várias economias, as coisas não vão simplesmente voltar ao normal, a rotina de sempre. Adaptações, reduções e aumentos vão precisar ser feitos. É hora de remodelar o plano de negócios da sua empresa para garantir a sua segurança financeira e, principalmente, a segurança física de seus clientes e colaboradores.

Mas, o que dita o novo normal?

Além das leis e decretos, o novo normal vai depender sua:

  • localidade;
  • do seu ramo;
  • do tamanho da sua empresa;
  • da quantidade de funcionários;
  • da sua quantidade de clientes;
  • etc. 

Ou seja, cada empresa vai ter um novo modelo pós-pandemia. Mas, é claro que algumas regras comuns vão existir e ditar os modos de operação. 

Recomendações gerais estão presentes em todos os estabelecimentos, desde agora, como o uso de álcool em gel, realização de lavagens de mãos constantes, ambientes mais arejados e sem grandes aglomerações, para evitar o contágio e a propagação do vírus. Aliás, essas recomendações são muito boas para evitar várias doenças, não só o coronavírus. A lavagem de mãos e a esterilização vem salvando muitas vidas há anos.

Mas, se cada empresa tem um novo normal, como descobrir o meu?

Como encontrar o novo normal para minha empresa?

O que recomendamos é que você pegue uma folha de papel e faça duas colunas. Uma, contando como era o normal do seu ramo antes da quarentena. E outra, contando sobre como imagina que vai ser o novo normal do seu setor nos pós-pandemia.

Parece simples, mas a ideia é começar pelo básico. Fazer o seu novo normal. É preciso entender seu setor, as regras impostas a ele e o comportamento dos clientes nele. Afinal, uma clínica particular vai ter um novo normal bem diferente de uma empresa de festas eventos, por exemplo.

Entendendo o novo comportamento das pessoas

Agora que você já entendeu o que te restringe e visualizou o seu futuro, precisamos conversar sobre pessoas. O comportamento das pessoas está mudando. Algumas tendências de comportamento vêm surgindo, como:

  • Maior apoio às causas sociais;
  • Preocupação com segurança e limpeza;
  • Redução da vontade de sair de casa;
  • Aumento da procura por atividades de lazer individuais ou em família.

Tem muitos outros exemplos. Vários estudos vêm saindo a cada dia, apontando novos caminhos. Por isso, é importante que você acompanhe a maioria, para se atualizar das novidades e do novo normal dos seus clientes. Mas, como sei que, sem rotina, tudo é mais difícil, criamos uma recomendação incrível para você.

 

Recomendação prática: Dossiê Quinzenal

A nossa nova recomendação agora é que você faça um Dossiê Quinzenal: a cada 15 dias corridos, você escreve em uma folha de papel as tendências, as novas estratégias adotadas pelo mercado, ideias e outros fatos. Depois você pode adicionar direcionamentos para a sua empresa nesse documento e enviar aos seus colaboradores, para que saibam das novas tendências e comecem a se preparar para isso.

Já descobri o meu novo normal. O que devo fazer agora?

Comece a se adaptar ao novo normal

  • Planeje, monte e realize atividades remotamente;
  • Organize o espaço do seu estabelecimento;
  • Decida se você vai aumentar cada vez mais a realização de atividades à distância, se vai manter igual ou se vai diminuir com o tempo;
  • Ofereça mais opções para seus clientes;
  • Revise suas medidas de segurança;
  • Coloque informativos e dê treinamentos para seus colaboradores;
  • Informe aos seus clientes as novas mudanças e adaptações;
  • Faça poupanças de emergência e de futuros investimentos mais caros;

O que evitar ao se preparar para o novo normal?

Não seja oportunista

Procure realmente servir aos seus clientes e, para isso, ofereça sempre o melhor para eles. Evite cortar serviços agora, retirar oportunidades ou restringir seu cliente. É hora de deixá-lo confortável e fiel a sua empresa.

Se puder, facilite a vida dos seus clientes

Existem empresas que estão aumentando o valor do frete, para lucrar mais, ou fazendo outras atividades para tentar melhorar seus resultados nessa crise. Mas, as pessoas vão se lembrar mais positivamente da empresa que deu frete grátis nesse período, por exemplo, do que das marcas que foram mais agressivas e pouco amigáveis. Estamos numa época delicada e sensível. Por isso, certas atividades podem ser vistas como marketing negativo para a sua marca.

Não seja individualista

Entenda que realmente essa é uma época de pensar no coletivo: nas pessoas que estão sem emprego, nos idosos e grupos de risco, nos trabalhadores de hospitais, etc. Você pode fazer promoções, descontos, ações, doações voltadas para um ou mais grupos prejudicados por essas mudanças. Essa é uma ação que vem ajudando muitas empresas. E, ainda, caso seja você quem está sendo prejudicado na quarentena, você pode se unir com outras empresas da sua mesma área para criar uma campanha para que seus clientes os ajudem.

Não se isole

Converse com seus clientes. Invista em marketing, em divulgação online gratuita e paga. Faça vídeos, artes, campanhas. Fale nos Whatsapp, ligue e ouça bem o que o cliente tem a dizer. Fique por dentro de tudo.

Conclusão

O novo normal é algo inevitável. O comportamento dos consumidores e das empresas irão mudar e, caso a sua não se adapte, pode não sobreviver. Por isso, é importante que você esteja preparado para esse momento pós-pandemia, e torne a sua empresa ainda mais resistente a esse momento.

 

 

FONTE: https://fluxoconsultoria.poli.ufrj.br/


Contato

© 2018 Espaço Empresarial de Santo Antônio de Jesus . Todos os Direitos Reservados.